quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Sonho ou CHAMADO?

Maio de 2001, minha conversão tinha acontecido a aproximadamente 1 ano e alguns meses, eu vivia em frenesi danado de  querer pregar aos quatros cantos do mundo o Evangelho de uma forma desenfreada e compulsiva.
Desde que me surge nesta época a oportunidade de ir em um retiro espiritual, do qual o tema era :                " Descobrindo a vontade de Deus para nossas vidas", bom eu e os adolescentes que me acompanhavam por mais que o retiro se tratasse do ministério de Jovens, entramos em uma euforia absurda, queríamos saber se iríamos ser missionários,pastores"levitas"(termo muito usado erradamente na época),apóstolos,homens bomba-gospel ou qualquer outra coisa, Deus precisava de alguma forma revelar.
Fomos surpreendidos com um retiro de confrontação que nos foi dado apenas a afirmação de que deveríamos ter uma vida que agradasse a Deus e esta era a VONTADE DELE para nós.
O sonho continuou, copiávamos nossos artistas-gospel em tudo , cabelos(horríveis), roupas, óculos, jeito de falar e cantar, e montávamos freneticamente bandas sonhando alto em tocar em eventos como Marcha para Jesus(ou para o Estevão), S.O.S da vida( ou s.o.s do bolso) ,etc...
Eu nessa época descobri uma aptidão peculiar, aliás descobri a total falta de aptidão musical ou seja eu não seria nenhum cantor famoso e jamais teria meu rosto em uma capa de cd e nem meu nome gritado por menininhas gospel com faixinhas na cabeça escrito Jesus.
Fui cedo estudar teologia, aliás para minha idade na época 19 para 20 anos a última coisa que um garoto fazia era entrar em um seminário teológico cheio de "tiozinhos" de cabelos grisalhos rodeados de livro, afinal isto não dava "ibope" ou trazia rentabilidade, mais eu fui para lá, mesmo sem saber os motivos reais na época.
Foram 4 anos de apenas árduos estudos e privações, e a vida continuando.
Meus amigos cantores, que montavam e desmontavam bandas aos montes, foram crescendo(no Evangelho)e foram "acordando", viraram advogados,engenheiros,etc.. e perceberam que o serviço ao Evangelho não estava vinculado ao massagear do ego "artístico" de cada um, antes o serviço partia da primícia de uma vida que agradava a Deus e a utilização dos seus dons espirituais e habilidades naturais na comunidade que estavam inseridos.
Porém eu vi sonhos se desmoronando, alguns que diziam "amar" missões hoje amam seus empregos e bens, outros que sonhavam com multidões hoje sonham com a conta bancária,seminaristas que engavetaram os livros e preferiram ao invés de se esmerar no conhecimento, ensino e pregação do Evangelho a busca apenas pelos seus desejos e projetos e foram pouco a pouco enterrando seus dons e talentos,deixando assim para trás aquele sonho de adolescente de servir a Deus com tudo o que possuía.
Eu peço a Deus em oração para que aqueles que como eu tem o coração queimando pela propagação do Evangelho não permitam que a chama se apague ou que com o passar do tempo a não viabilização de seus "projetos" não os faça desanimar na caminhada em busca da vontade de Deus e do cumprimento do seu chamado.
Como um amado professor um dia disse a mim e ao meu irmão Elison (China) no seminário:
"Continuem dia após dia afiando e amolando a espada de vocês, afinal não sabem quando o Senhor irá requerer que as usem, continuem firmes "













sexta-feira, 2 de agosto de 2013

Penso pela manhã todos os dias....

Quase todos os dias pela manhã quando me troco ou pego o carro para vir ao trabalho sempre me vem uma mesma lembrança na cabeça. Todo mundo sabe das dificuldades de uma mãe que cria um filho sozinha e com a minha não foi diferente.
Após eu desistir do sonho do futebol,tive que me virar para poder trabalhar ou até mesmo trazer sustento a minha casa, a lembrança forte que eu sempre tenho é de eu sendo acordado as 4hs da manhã para ir trabalhar no farol como panfleteiro em São Paulo, confesso que na época os 7 reais por dia ajudavam e em muitos casos era a renda da casa e por isso não poderia desistir.
Por mais que fosse um serviço honesto e digno eu sempre me via bem triste e as vezes até chorando não por falta de vontade de trabalhar mais por achar que a vida poderia me dar mais.
E sempre quando eu me questionava e colocava isso para minha mãe ela me dizia:’’ Acorda 15 minutos mais cedo dobra teu joelho, ora , agradece a Deus pelo trabalho e peça um outro, eu ainda creio que você trabalhará bem arrumado atrás de uma mesa nem que for de porteiro de condomínio(ela e seu saudoso humor)’’
O tempo passou e eu sempre exerci aquilo e hoje 13 anos depois vejo que o caminho para a obtenção de algo a mais é o agradecimento pelo que se tem, a não acomodação pelo que se tem , e a busca continua por objetivos.
Em um outro episódio eu já na época de Faculdade Teológica ela foi fazer uma faxina apenas para comprar um livro para mim que ela mesma viu que eu precisava , afinal ela tinha o hábito mesmo depois de eu adulto de olhar meus cadernos todos os dias igualzinho como quando eu era criança.
E eu a questionei :’’ Mãe porque a senhora sacrificou uma folga sua para me dar um livro?’’
A resposta foi imediata:’’ Existem mães que sacrificam suas folgas para pagar dívidas de drogas ou para pagar advogados para tirarem sues filhos da prisão, eu estou investindo em você para amanhã eu ver você com o seu próprio livro escrito’’
Quem sabe um dia eu chegue lá e honre plenamente o investimento de minha mãe,todas as vezes que escrevo vejo o resultado do investimento de minha mãe.
E eu como um filho saudoso peço a todos vocês pais, INVISTAM NOS SEUS FILHOS, como Deus INVESTIU EM VOCÊ ANTES MESMO DE VOCÊ SER CRIADO ENVIANDO JESUS PARA TE GARANTIR VIDA ETERNA!!!!

‪#‎PENSOASSIM‬

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Dica de Leitura



" Para todos que estão procurando uma dica de leitura eu recomendo mais um tesouro vindo da caneta de Willian P. Youn, o mesmo autor de '' A Cabana'' o livro chama-se a ''A Travessia'' .
O livro trata de uma ficção ''cristã'' que relata o encontro de um homem extremamente focado nessa vida e com suas riquezas com Deus (Trindade) e a partir dai ele começa a se confrontar e tem apenas mais uma chnace de fazer tudo diferente.
O livro é apaixonante e confrontador ainda não acabei de ler o meu mais dessa semana não passa!!!!
( Só empresto mediante assinatura de promissória no valor de R$15.000 )..kkkk

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013



Um resumo da maior complexidade da evidência do Amor de Deus ao homem ''Conversão ao Evangelho''

sábado, 26 de janeiro de 2013

Aguardem modificações, novidades e um novo visual para o Blog, empenharei mais tempo aqui.
Assim escreverei apenas para aqueles que querem realmente ler .....=D

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Pior que o satanás!!!

JUlgar,condenar,desistir ou até mesmo desacreditar de alguém quando esse alguém comete algum erro é querer ser mais do que Deus, pois Deus apesar dos ERROS , ELE não julga,ELE aboslve ,ELE acredita e da crédito a todo homem que deste erro se arrepende quantas vezes necesário for.E querer ser mais do que Deus foi algo que nem Satanás quis, pois ele queria ser apenas igual.Então quando julgamos,condenamos desistimos ou desacreditamos estamos em uma posição pior do que a do próprio Satanás.

O MÉDICO DOS médicos!!!

Um hospital é evidenciado pela quantidade de doentes que nele se tratam e pela complexidade dessas doenças, ou seja hospital bom é hospital que trata doença grave.Uma igreja quanto ser um hospital de Deus não pode ser medida pela quantidade de ''santos'' que a frquentam, mais sim pelos quantidade de pecadores que cometem os pecados mais ''absurdos'' que a frequentam com a esperança de receberem nenhum tipo de diagnóstico negativo ou exclusão mais sim de um TRATAMENTO.Desistir da Igreja por ser um pecador é desistir de ser tratado e ser entregar a morte pela doença que possui.Desistir da Igreja por ela abrigar doentes é desacreditar que JESUS VEIO PARA OS DOENTES E PECADORES E NÃO PARA OS SÃOS!!!